Claudia Rabello Strugnell

Claudia Rabello Strugnell

Sócia-diretora – brasileira, residente no Reino Unido desde 1998, formada em Administração de Empresas, completou sua pós graduação em Recursos Humanos no Reino Unido, possui especialização na área de gerenciamento de projeto. Tem um excelente entendimento dos sistemas de ensino britânico e brasileiro. Responsável pela parte financeira e marketing da JC International.

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Onde está Wally? Ou Onde está a Cláudia?

29 Junho 2017, 12:28 pm

"Onde está Wally?" (Where's Wally) é uma série de livros de caráter infanto-juvenil criada pelo ilustrador britânico Martin Handford, baseada em ilustrações e breves textos. O objetivo é brincar com o leitor que deve procurar no meio dos desenhos o personagem principal.

Como o BREXIT pode afetar um programa de intercâmbio?

13 Abril 2017, 10:27 am

O BREXIT (Britain + Exit, é a abreviação das palavras em inglês Britain (Grã-Bretanha) e exit (saída). Designa a saída do Reino Unido da União Europeia) foi sem dúvida uma surpresa para a comunidade internacional e seus efeitos colaterais já são sutilmente visíveis em vários setores, tais como, financeiro e turismo. Até mesmo a moeda Libra Esterlina, uma das mais fortes do mundo, sofreu uma queda de aproximadamente 15% contra o Dólar e 10% contra o Euro depois do referendo. A libra se recuperou mas ainda continua oscilando, o que, podemos considerar, é uma notícia positiva para futuro intercambista.

E... como surgiu a JC International Education & Consultancy

Algumas pessoas têm me perguntado qual é o meu background, ou seja, minha formação profissional. Aí vai um resuminho (textão!!!):

O Carnaval acabou! Que tal começar o ano de verdade?

2 Março 2017, 12:18 pm

Finalmente acabou o carnaval! Estamos de volta às nossas rotinas e à realidade, mas não esqueçamos que o tempo não nos espera.

Você assistiu e se lembra do filme "Esqueceram de Mim" com o ator mirim Macaulay Culkin, que interpreta uma criança deixada acidentalmente para trás pela família ao viajar nas férias de Natal? O personagem Kevin McCalister, de oito anos, torna-se, da noite para o dia, o homem da casa e enfrenta até bandidos. Lembrou?

A Verdadeira História do Halloween

29 Outubro 2015, 9:00 pm
Halloween sempre foi uma tradição em alguns países do mundo, nem tanto em outros.

A data de 31 de Outubro é mundialmente conhecida como "O dia das Bruxas ou Halloween", que é uma festa típica que acontece nos países anglo-saxônicos, com especial relevância nos Estados Unidos.

Se você acha que para fazer um intercâmbio é preciso ser criança ou jovem, continue a ler este artigo.

Nunca é tarde para aprender! Desafie-se e permita-se a uma nova experiência que vai tomar um lugar muito especial em sua vida profissional e pessoal! A JC International está aqui para ajudar esse desafio a se tornar realidade.

Tão logo começamos nossas atividades, na JC International, eu pude ouvir de um dos nossos clientes um depoimento muito legal que nunca saiu de minha memória.

Estando conosco na Inglaterra, fazendo seu primeiro intercâmbio, ele nos contou como tomou a decisão de realizar seu sonho de se tornar um intercambista, mesmo tendo 42 anos.

Desde jovem ele sonhava em viajar para o exterior e estudar um segundo idioma, mas como sua vida tomou rumos diferentes de seus planos, de certa forma, para sua frustração, ele os engavetou.

Adulto, casado, ele resolveu projetar aqueles seus sonhos de juventude em seus filhos, e fez de tudo para viabilizar um intercâmbio para sua filha de 15 anos.

Ela fez um curso de 8 semanas em uma escola britânica e nós, da JC International, cuidamos de tudo.

Ao retornar ao Brasil, ela transbordava de alegria pelas experiências maravilhosas pelas quais tinha passado durante sua estadia na Inglaterra; conhecendo uma nova cultura, um outro país, pessoas interessantes, inclusive de várias nacionalidades, já que a escola onde ela havia estudado acolhia gente de todos os lugares.

Todo esse entusiasmo fez reacender no pai aquele desejo amortecido de também ele passar por aquela experiência.

Vendo sua filha mais amadurecida, falando Inglês com mais fluência e desenvoltura, anunciou para toda a família que o próximo a viajar seria ele, para fazer um curso universitário no exterior.

É claro que todos ficaram surpresos com aquela decisão meio repentina, mas reconheceram a sua paixão e determinação e passaram a dar o maior apoio.

Com o intercâmbio ele faria uma reciclagem de seus conhecimentos de Inglês, o que o ajudaria muito em seu trabalho, sendo ele um profissional da área de informática, mas sua maior expectativa era a de conhecer uma nova cultura, passear e se desinibir na comunicação em outro idioma.

Seguindo os passos da filha, ele escolheu a Inglaterra e contou também com a nossa ajuda para planejar e executar seu intercâmbio.

Depois de seis meses de preparativos, ele estava pronto para a sua pequena aventura.

Seguindo nossos conselhos, optou por ficar em casa de família ao invés de um hotel. A razão foi que em uma casa de família, não somente ele teria mais oportunidades para falar em Inglês, como também de poder conhecer o cotidiano de uma família britânica. Ficando em um hotel ele, com certeza, teria mais privacidade, porém sua experiência não seria tão profunda; na verdade, poderia ficar até distorcida, pois ele seria tratado como um turista.

Optamos por acomodá-lo na casa de uma senhora aposentada que morava com o neto de 18 anos. Como a casa era grande ela oferece dois quartos para alunos internacionais. No outro quarto foi hospedado um alemão de 23 anos.

Outra partilha interessante que ele nos revelou foi que inicialmente achou que nunca iria fazer algum programa junto com o alemão devido a diferença de idade, mas ao longo do tempo eles se tornaram ‘best mates’ (parceiros) e fizeram várias atividades juntos, algumas organizadas pela instituição onde estavam matriculados, outras extra-curriculares, como ir a um pub para beberem uma cerveja, bem ao estilo do alemão.

Nosso cliente conheceu muita gente. Desde uma garotada da idade da sua filha até um senhor polonês de 60 anos, advogado aposentado, que também resolvera se tornar intercâmbista para aprender Inglês.

Leiam a seguir algumas de suas palavras que, entendo, revelam com profundidade o espírito de um intercambista: "Minha experiência foi riquíssima, vocês podem imaginar, em vários angulos! Embora, por causa dos meus compromissos profissionais eu só tenha podido ficar 4 semanas, ainda assim foi uma experiência inesquecível.

A escola recomendada pela JC international, situada no coração de Londres, foi excelente para mim. Ela tinha uma infraestrutura excelente e o 'staff' foi super atencioso. Foi um desafio que valeu a pena! A experiência me permitiu fazer uma boa reciclada no inglês, o que me ajuda muito profissionalmente, além dos amigos que fiz para a vida. Após um ano ainda nos comunicamos (em inglês!!!!) por skype, facebook ou whatsapp. E, com isso, pratico meu inglês diariamente".

Nunca é tarde para aprender e nunca é tarde para desafios! Acho que independente da necessidade ou não do idioma, a beleza do intercâmbio (principalmente ficando em casa de família) é a oportunidade de verificar de perto uma outra cultura, outros hábitos, outra forma de ver a vida, outros paradigma.


E então? Você ainda acha que fazer intercâmbio é só para crianças e jovens? Espero que com a leitura deste artigo você tenha mudado de ideia, e se existe dentro de você um desejo, por menor que seja, de fazer também a experiência de um intercâmbio, venha falar conosco. Estamos à sua disposição para lhe ajudar no planejamento e na execução de seu sonho.

BAIXE A BROCHURA "SUMMER SCHOOL 2016". CLIQUE AQUI


Leia também:

Até a próxima!

Assinatura Claudia

Claudia Rabello Davies
Diretora da JC International Education & Consultancy
Expert em Intercâmbio no Reino Unido
Blogueira

Torne-se um cidadão do mundo, como hoje eu sou

16 Março 2016, 6:00 pm

Um pouco da minha história

Quando eu era pequena meu sonho de profissão era ser aeromoça, hoje mais comumente chamada de comissária de bordo. Nem por um minuto pensei no que a profissão em si exigiria. Minha ambição era viajar, conhecer o mundo. Eu queria ser poliglota; queria poder conversar com o mundo.

Ok, vou dar um pulo ali na Inglaterra, aprender algumas coisas! Vejo você em 3 semanas.

Por causa das informações que constam em nosso site, principalmente, no que diz respeito aos cursos, muitas pessoas me perguntam, por e-mail, o que é exatamente um curso de férias de verão ou de inverno (summer ou winter camps). Minha resposta sempre é: "muito mais do que você imagina! Isso eu posso garantir!"

É no período de férias escolares do Brasil, no meses de janeiro/fevereiro e julho, que muitos estudantes brasileiros buscam novas experiências através de um intercâmbio.

A estrutura do curso em si é uma combinação de aulas de inglês, atividades sociais, diversão e excursões, porém... os benefícios vão muito além disso.

"Ok, vamos combinar... uma experiência de duas semanas no exterior, por melhor que seja, não vai transformar a vida de ninguém do dia para a noite!" - pensam alguns que me interpelam. E eu digo: "Vai sim! Vai proporcionar um passo, uma pequena fundação para grandes transformações na vida de forma geral".

A adolescência é um período de fortes transformações e mexidas emocionais. Uma experiência como um intercâmbio, que proporciona um autoconhecimento mais profundo, certamente deixa uma marca que dificilmente será esquecida. Uma viagem ao exterior é uma verdadeira abertura de mente, deixando um gostinho de quero mais. O adolescente que vive esta experiência, volta transformado, amadurecido, mais culto, mais esperto e ainda com mais fluência em uma segunda língua.

High School na Inglaterra

O que se traz na bagagem ao retornar desse intercâmbio de férias?

Por ter que dividir o quarto com colegas de outras nacionalidades, o jovem intercambista se vê na necessidade de interagir com eles e aprender a tolerar as diferenças culturais, de hábitos e costumes. Esta "troca" influenciará o modo de encarar a vida e as pessoas.

Cursos de Férias visam proporcionar uma aventura, um desafio e a bendita autossuficiência, já que os adolescentes experimentam muitas situações pela primeira vez.

Primeira vez...

  • sem os pais por perto.
  • cuidando de si e de seus pertences.
  • escolhendo qual a roupa vai usar, prestando atenção ao que parece mais apropriado, não só em relação às combinações da moda, mas à necessidade de se precaver contra mudanças climáticas.
  • tomando iniciativas sozinho em situações novas.
  • se comunicando em outro idioma praticamente 15 horas por dia.
  • fazendo amizades internacionais.
  • observando mais de perto o multiculturalismo.
  • enfim… primeira vez explorando um mundo de conhecimento e oportunidades que só uma experiência de intercâmbio pode proporcionar.

Não podemos menosprezar a importância dessa experiência para crianças (9-12 anos) e adolescentes (13-17 anos), pois representa um passo importante para se tornar um cidadão do mundo.

Tudo isso e mais... cultura e história de outro país.

>> Clique aqui para assistir a um dos vídeos gravados durante o Summer Camp de 2015.

Summer Camp 2015

Toda essa experiência vai começar a se externalizar de forma modesta e devagar, mas os pais, os parentes e amigos vão reparar nos meses seguintes pequenas mudanças que, se forem nutridas, poderão virar hábitos positivos.

O suporte de uma empresa com reputação e conhecimento sólido da área de educação internacional é essencial para tranquilizar os pais e dar segurança aos intercambistas, e a JC International pode oferecer isso. Nós mantemos comunicação frequente com os pais através de postagens no facebook e também pelo WhatsApp.

Nossos programas residenciais proporcionam às crianças e adolescentes uma experiência incrível com supervisão dos líderes durante 24 horas. Além de, claro, poderem contar com a JC International a qualquer momento.

Encorage seu filho a viver também essa incrível experiência: dar o primeiro passo para se tornar um cidadão do mundo!

Descubra um mundo de possibilidades com a JC International Education!! E saiba que seus filhos/sobrinhos/netos/primos ou amigos estarão sendo acompanhados de pertinho!!

Neste ano, é a vez de seu filho! Estamos de braços abertos para recebê-lo.

Assinatura Claudia

Claudia Rabello Davies
Diretora da JC International Education & Consultancy
Expert em Intercâmbio no Reino Unido
Blogueira

Dia das Crianças

12 Outubro 2016, 9:00 pm

No dia 12 de outubro, dois acontecimentos são festejados no Brasil: o Dia da Criança e o Dia de Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Esse último dá razão para que a data seja considerada feriado nacional. Nesse dia, costuma-se oferecer presentes para as crianças; já para a igreja católica, a data é dedicada a celebrar o dia da Padroeira do Brasil.